Cortiça Mitos e Curiosidades

Sabia que uma única rolha de cortiça pode reter até 392g de CO2?

Que a cortiça era usada no Antigo Egito e que serve para produzir energia? Sabia que diversos estudos científicos demonstram que os consumidores associam a cortiça a vinhos de qualidade superior

Descubra tudo o que sempre quis saber sobre a cortiça.

Estima-se que existem mais de 2,3 milhões de hectares de montado (floresta de sobreiros).

Cerca de 716 mil hectares situa-se em Portugal, o que equivale a 22,5% da área florestal nacional. Metade da produção mundial de cortiça é portuguesa. O restante situa-se em Espanha, Itália, França, Marrocos, Tunísia e Argélia.

Além de constituir um ecossistema natural único no mundo, o montado viabiliza um conjunto de atividades agronómicas, florestais, silvopastoris, cinegéticas e económicas: colheita de plantas medicinais e de cogumelos, produção de mel e cera, produção de carvão, caça, pecuária, observação de aves, turismo e passeios equestres. Também dá origem à criação produtos alimentares autóctones certificados pela União Europeia.

Nos sete países mediterrânicos produtores de cortiça, mais de 100 mil pessoas dependem direta ou indiretamente da economia proporcionada pelo montado de sobro.

Graças às propriedades térmicas e fraca combustão da cortiça, os sobreiros são mais resistentes ao fogo do que as outras árvores. A lenta combustão da cortiça torna-a num retardador natural do fogo, formando uma barreira contra os incêndios. A sua combustão não liberta fumo nem gases tóxicos.

Atenção, o seu browser está desactualizado.
Para ter uma boa experiência de navegação recomendamos que utilize uma versão actualizada do Chrome, Firefox, Safari, Opera ou Internet Explorer.